segunda-feira, fevereiro 04, 2013

Hoje não... Amanhã.

Hoje não, não é um bom dia para estares doente.
Amanhã claro, cuidarei de ti.

Hoje não, não te deixes ir abaixo que eu também não te posso acudir e ajudar a levantar.
Amanhã sem dúvida, estarei ao teu lado.

Hoje não, não permitas que as lágrimas escorram dos teus olhos e pinguem do teu queixo, também eu não vou poder enxugá-las.
Amanhã sim, chama-me que correrei para ti.

Hoje não... 
Amanhã.

Mas é hoje que choro, me sinto doente e a ir abaixo...
É hoje que te chamo  a  ti  e  a  ti  e  a  ti.

Amanhã? Amanhã já não te lembrarás que chamei por ti. 
Porque amanhã é já depois de hoje, e é suposto que eu saiba cuidar-me, acudir-me e enxaguar as minhas lágrimas.

Amanhã, é suposto que eu tenha curado as minhas feridas.

Hoje não...
Amanhã.

Liliana



Enviar um comentário