quinta-feira, agosto 04, 2011

O que me dói é a tua falta

Não me dói que não sejas meu
estou sempre contigo

Não me dói que estejas longe
trago-te sempre em mim

O que me dói é a tua falta

O que me dói é não sentir o teu cheiro
a ausência da tua mão
a distância dos teus olhos
o vazio do teu corpo no meu
a inexistência da tua respiração

O que me dói é a tua falta


Liliana

Enviar um comentário