terça-feira, junho 21, 2016

quero-TE

Sabes? 
Estou cansada
de sentir
de pensar,
de ter medo
("até de ter medo")

Sabes?
Já não consigo
continuar a andar
agarrada aos móveis 
para não cair

Sabes?
Não quero fixar
o olhar no retrovisor
travar a todo o instante
parar a cada curva

Sabes?
Quero novas palavras
de mãos dadas
e sorriso aberto

Sabes?
Acho que já posso sair 
pelos campos dourados,
contar papoilas
e semear cantos

Sabes?
Apetece-me sentir
e não questionar,
poder viver 
e não pensar

Sabes?
Quero-te


Liliana



Enviar um comentário