sexta-feira, julho 05, 2013

Espera e Sonho



Espero-te
Lembrár-te-às que estou aqui?
Espero, aqui sentada nesta cadeira quente que, juntos, nos viu.
Espero sem saber se ainda te lembras que um dia a vida nos sorriu.
Lembrár-te-as que ainda sou em ti?
Espero-te.






Oiço a mesa do lado 
viajo num mundo que não é meu,
visto uma personagem nova, diferente.
Invento uma vida e um dia e uma mesa para mim.
Saio da minha verdade e entro noutra qualquer.
Oiço a mesa ao meu lado
viajo para um mundo que não é meu.







Liliana


Enviar um comentário