quarta-feira, janeiro 11, 2012

Pianíssimo

Pianíssimo...

Como deve ser uma carta
que se recebe

De casa

Da nossa casa

De nós para nós

Do nosso mais profundo ser
para o barulho das luzes
por entre o rebentar das ondas

nos dias em que corremos

e fingimos
(tantas vezes)

que vivemos...

Liliana

(com "Letter from home" do Pat Metheny como banda sónora)

Enviar um comentário