segunda-feira, janeiro 22, 2007

Orfeu do Avesso

Orfeo y Eurídice por Frederico Cervelli


«Orfeu do avesso»


De pé sobre o abismo
e não morri:

Canto gregoriano
muito limpo
não me chegou:
o fim
Catedral
sobre o risco,
sobre um azul tão grande
que afundar-me podia
Ao fundo do mais fundo
mergulhei
e não morri:
amei

Ana Luísa Amaral in "Epopeias" (1994)
Enviar um comentário